Sobre Mitsubishi Outlander 

Linha 2016
O modelo 2016 do Mitsubishi Outlander sofreu mudanças visuais que incluem grade frontal, faróis, lanternas traseiras e para-choques novos. Segundo a fabricante, foram feitas mais de 100 alterações. Porém, a principal novidade é a adoção de um motor turbo, que se soma às versões à gasolina já oferecidas.

Por baixo do capô

O Outlander de entrada é equipado com motor 2.0 a gasolina que gera 160 cv de potência e 20,1 kgfm de torque, com câmbio automático do tipo CVT que pode simular seis marchas em modo manual. A versão intermediária GT traz um 3.0 V6 a gasolina de 240 cv e 31 kgfm, com câmbio automático de seis marchas. Por fim, a novidade no catálogo conta com um motor 2.2 turbo a diesel de quatro cilindros com 165 cv e 36,7 kgfm. O câmbio também é automático de seis velocidades. Há ainda uma versão híbrida plug-in, a PHEV, que traz dois motores elétricos de 60 kW (81,6 cv), um para cada eixo, atuando com um propulsor 2.0 a gasolina que serve apenas como gerador para alimentar a bateria.

Mais do Outlander

Importado do Japão, o SUV é oferecido em quatro configurações: 2.0, GT (única que pode ser equipada com o kit opcional Full Technology Pack) Diesel e PHEV (híbrida). Apenas a versão de entrada e a PHEV possuem cinco lugares. Todas as demais são de sete lugares. O Outlander tem 4,7 m de comprimento, 1,8 m de largura, 1,7 m de altura e 2,8 m de entre-eixos. O porta-malas acomoda 798 litros de bagagem.

O SUV possui tração 4x4 que pode funcionar sob demanda - com a força indo para o eixo traseiro apenas se necessário - ou transferindo metade da força para cada eixo acionando-se um botão no console central. Desde a versão de entrada, o modelo traz de série direção elétrica, ar-condicionado, teto solar elétrico, bancos de couro com ajuste elétrico para o motorista, sistema multimídia com Bluetooth e entrada USB, sensor de chuva, acendimento automático dos faróis, rodas de liga leve aro 18, controlador de velocidade e sete aibags.

Passado

O Outlander chegou ao Brasil em 2003 como Airtrek, ganhando o nome atual apenas em 2007, quando foi lançada a segunda geração. A terceira geração chegou ao Brasil em agosto de 2014, já como modelo 2014. No mesmo ano, a fabricante japonesa apresentou no País a versão híbrida plug-in do SUV, chamada PHEV 

Itaú

Simule o financiamento

Veja o valor da parcela do seu próximo carro, online e sem compromisso. Simular financiamento

Opinião do dono

5,4

Fraco e com muitos problemas

Guanair em 21/03/2016
Outlander 2.0 16V CVT 2016
 
Pontos positivos

design muito bonito

 
Pontos negativos

apesar da motorização fraca tem consumo igual ao de outros veículos de melhor desempenho. a mídia trava com frequência e é de difícil manuseio. sempre é necessário voltar ao menu principal para usar o telefone por exemplo. o gps é meio burro. caso não siga a rota original ele vai ficar tentando te retornar mesmo que o retorno já seja o pior caminho. o acabamento é fraco e cheio de plásticos de baixa qualidade. o ruído interno é alto. chega fácil aos 80 db. acima disto numa fábrica seria obrigatório por lei o uso de protetor auricular. ou seja, ao pegar uma rodovia ruim como é hoje a d. pedro, vai ficar difícil conversar com os passageiros do banco traseiro ou usar o telefone. e finalmente estou preocupado com a rede de concessionárias de manutenção. o veiculo me foi entregue com 47 lb/pol2 de pressão na concessionária brabus de sp. isto poderia ter causado grave causado por estouro de pneu.

 
Comentários

a relação custo beneficio do veículo é muito ruim. vale mais a pena pensar numa journey da dodge. eu já tive uma anos atrás e entrega muito mais pelo mesmo custo.

Essa opinião foi útil pra você?
9,4

Recomendo

Paulo Tabosa em 20/11/2015
Outlander 2.2 DI-D (Aut) 2016
 
Pontos positivos

conforto apesar de ser diesel economia de combustivel dirigibilidade

 
Pontos negativos

revisões de 6 em 6 meses

 
Comentários

dentro carros vendidos até 200,000 hoje no brasil é o melhor, não tem concorrência pelo conforto, design e a economia de combustível

Essa opinião foi útil pra você?
9,3

boa opção para espaço e desempenho

Oston em 09/06/2016
Outlander GT 4WD 3.0 V6 (Aut) 2016
 
Pontos positivos

comparando com o modelo 2009, ficou mais leve, mais confortável e mais potente. melhorou o interior e o design. gostei. boa opção para quem precisa de espaço, de 7 lugares mas não quer perder em performance nem design.

 
Pontos negativos

custo elevado de compra. parar a cada 6 meses para revisão.

Essa opinião foi útil pra você?

publicidade

publicidade

Outros anos de Mitsubishi Outlander

Outros anos Faixa de Preço Ofertas
2015 De R$ 88.947 a R$ 172.305 ver ofertas
2014 De R$ 78.551 a R$ 97.380 ver ofertas
2013 De R$ 62.642 a R$ 77.857 ver ofertas
2012 De R$ 56.449 a R$ 61.890 ver ofertas
2011 De R$ 52.250 a R$ 57.056 ver ofertas
2010 De R$ 49.195 a R$ 52.487 ver ofertas
2009 De R$ 42.579 a R$ 46.350 ver ofertas
2008 De R$ 40.092 a R$ 40.092 ver ofertas