Toyota Hilux disputa Sertões com motor V8 de 390 cv

Protótipo da Toyota chega mais uma vez entre os favoritos do maior campeonato de rally do Brasil

30/10/2020 - Redação / Foto: Divulgação / Fonte: iCarros

Uma das grandes estrelas do Sertões, que começa neste final de semana é a Toyota Hilux. O modelo que compete no principal rally das Américas possui uma ficha técnica de respeito para brigar pela vitória com a Mitsubishi L200, Ford Ranger e outros carros.  

Leia mais:
+ Luxo e potência: Volkswagen Amarok V6 2021 chega com 258 cv
+ Conheça as versões mais econômicas dos carros mais vendidos
+ Bugatti mostra o Bolide, um monstro para pista de 1.850 cv

O modelo Hilux IMA Overdrive é equipado com um motor 5.0L semelhante ao do Lexus RCF. Com potência de 390 cavalos e 60 kgfm de torque, o protótipo da Toyota pode chegar aos 195 km/h mesmo com seus 1850 kg.   

É importante lembrar que esse peso é o mínimo de acordo com o regulamento FIA e durante a competição o carro estará certamente acima, já que o tanque de combustível tem capacidade para 500 litros, número bem superior aos 80 litros que cabem na Hilux 2.7 CD SR, por exemplo.  

Aliás, as picapes que vemos nas ruas e nas concessionárias são bem diferentes das que competem nos ralis, seja pelo tamanho ou por várias outras características de desempenho, já que os carros de rally buscam aliar a performance em conjunto com um modelo resistente para suportar diversos tipos de solo.  

Para se ter uma ideia, a Hilux que vai competir no Sertões possui 4,80 metros de comprimento, 2m de largura e 1,75 de altura. A versão 2.7 CD SR das ruas é maior: 5,31m de comprimento, 1,81m de comprimento e o peso é de 1.880 kg. Isso é explicado por conta de toda a aerodinâmica que é diferente nos carros de rally.  

O protótipo é criado através de um chassi tubular com habitáculo em carbono-kevlar. Já o sistema de transmissão possui o câmbio Sadev sequencial de seis marchas mais a marcha ré. 

Por fim, a suspensão de um modelo rally precisa ser ainda mais resistente para encarar dunas, lombas, cascalhos e outros trechos desafiadores.

A Hilux no Sertões usa amortecedores BOS com suspensão independente nas quatro rodas de 280 mm. Para não passar dos limites, o sistema de frenagem (dianteiro e traseiro) é composto por 6 pistões refrigerados a água.   

Com tudo isso, a equipe X Rally Team, tricampeã do Sertões e quatro vezes vencedora da prova como construtora e preparadora, chega para acelerar forte desde a largada do prólogo nesta sexta-feira (30) no Velocitta, em Mogi Guaçu (SP), até Barreirinhas (MA), local da chegada em 7 de novembro. 

Acompanhe as novidades do mundo automotivo pelo iCarros no:

Facebook (facebook.com/iCarros)
Instagram (instagram.com/icarros_oficial)
YouTube (youtube.com/icarros)

 

  • Compartilhe esta matéria:
 

Faça seu comentário

publicidade

  • Seguro Auto

    Veja o resultado na hora e compare os preços e benefícios sem sair de casa.

    cotar seguro
Para proteger e melhorar a sua experiência no site, nós utilizamos cookies e dados pessoais de acordo com nossos Termos de Uso e Política de Privacidade. Ao navegar pela nossa plataforma, você declara estar ciente dessas condições.