VW Kombi volta em 2022, mas ainda não tem nome definido

Versão de produção da I.D. Buzz, nova geração da Volkswagen Kombi 100% elétrica já tem data para chegar

13/02/2020 - João Brigato / Foto: Divulgação / Fonte: iCarros

Kombi e Fusca são, definitivamente, os Volkswagen mais icônicos tanto no Brasil quanto no mundo. Enquanto o Fusca se despediu em 2019 sem deixar sucessor, a Kombi retornará ao mercado global em 2022. Agora totalmente elétrica, ela ainda não teve seu nome oficial definido.

Leia mais:
+ Sucessora da VW Kombi ganha 306 cv com motor de Golf GTI
+ VW desiste da picape Tanoak em favor da brasileira Tarok
+ Polo Sedan voltará, mas não para substituir o Virtus

Quem confirmou o retorno da Volkswagen Kombi ao mundo automotivo foi Johan de Nysschen, chefe de operações da Volkswagen America, em entrevista à Motor Trend. O executivo afirmou que a versão de produção da I.D. Buzz será feita na Alemanha, de onde será exportada para diversos mercados que pode incluir o Brasil.

Meu nome não é Kombi

O que não está definido ainda é seu nome. Nysschen afirmou apenas que I.D. Buzz, o nome que o conceito carrega, é usado internamente para referir-se ao modelo. Atualmente os modelos da linha ID usam números para serem identificados, assim o hatch I.D. virou ID.3, o SUV I.D. Crozz virou ID.4.

Veja aqui ofertas de Kombi na sua cidade

No caso da nova Kombi é bastante improvável que ela siga essa mesma linguagem visto que é um modelo de nicho, não de volume como o hatch ID.3 e o SUV ID.4. Algumas possibilidades pairam como o próprio nome Kombi ou Microbus, como ela era conhecida nos Estados Unidos.

Pão de forma

Visualmente a Kombi 2022 seguirá 90% do design apresentado na I.D. Buzz. Removidos exageros típicos de conceitos como os retrovisores substituídos por câmeras, logotipo luminoso, faróis integrados à chapa da carroceria e portas sem maçanetas, está lá o design da nova Kombi.

Kombi de corrida

Tal qual o modelo original, a sua sucessora terá carroceria em formato de pão de forma, dianteira bastante reta e cabine espaçosa. A maior diferença estética estará no posicionamento dos bancos, que não mais repousarão sobre o eixo dianteiro. Além disso, a frente será mais longa para preservar os passageiros em caso de impacto.

Vai trocar de carro? Simule as parcelas aqui

Enquanto a clássica Kombi era movida por um motor boxer instalado na traseira, a Kombi 2022 será 100% elétrica, por conta disso faz parte da família ID. Ela terá autonomia generosa, possivelmente com números superiores aos 550 km de autonomia máxima que atinge o ID.3 nas versões mais caras.

Além disso a nova Kombi será rápida. A força dos motores elétricos e o torque instantâneo permitirão à (nova) Velha Senhora performance muito acima do que o modelo clássico. Ela poderá, inclusive, contar com versões com motor na dianteira e traseira, como acontece com os carros da Tesla.

Fonte: Motortrend 

Acompanhe as novidades do mundo automotivo pelo iCarros no:

Facebook (facebook.com/iCarros)
Instagram (instagram.com/icarros_oficial)
YouTube (youtube.com/icarros)

  • Compartilhe esta matéria:
 

Faça seu comentário

publicidade

  • Seguro automóvel

    Veja o resultado na hora e compare os preços e benefícios sem sair de casa.

    cotar seguro