Novo Captur 2020 é revelado pela Renault

Nova geração do SUV europeu é mostrada é deve estrear em setembro durante salão alemão com plataforma de Clio

05/07/2019 - Redação / Fotos: Divulgação / Fonte: iCarros

A Renault acaba de mostrar os primeiros detalhes e imagens do novo Captur 2020. Antes de se empolgar, lembre-se de que o modelo oferecido na Europa e exibido nas fotos utiliza por base a plataforma CMF-B do Clio europeu. O nosso, por outro lado, roda sobre uma versão modificada da plataforma do Duster.

Renault Captur dispara nas vendas em junho e VW T-Cross continua fraco

Aos europeus, o novo Captur 2020 traz como novidades o visual que parece mais atlético e dinâmico do lado de fora, adotando um interior mais acolhedor e prático, bem como um pacote de tecnologia mais abrangente.

Junho: Ford volta a ficar atrás da Renault, Jeep passa Honda

O segundo modelo da Renault a usar a nova plataforma CMF-B após o Clio europeu, o novo Captur 2020 é 110 mm mais longo que seu antecessor. Como resultado, o espaço para as pernas no banco traseiro aumentou 17 mm, enquanto a capacidade do porta-malas aumentou 81 litros para um total de 536 litros.

Confira aqui ofertas de Renault Captur perto de você

A arquitetura CMF-B também permitiu que os engenheiros da Renault projetassem o Captur desde o início para acomodar um trem de força elétrico e arquitetura eletrônica mais atualizada. Como resultado, o modelo se beneficiará do sistema híbrido Plug-in E-Tech a partir de 2020.

Simule aqui o quanto gastar nas parcelas de seu próximo carro

O Captur 2020 basicamente utiliza os mesmos motores do novo Clio. A opção eletrificada permite ao Captur viajar até 45 km em modo elétrico puro, a velocidades de até 135 km/h. O sistema combina um motor a gasolina 1.6 com dois motores elétricos e uma bateria de 9,8 kWh.

Até que esta opção eletrificada esteja disponível, os clientes da Renault poderão escolher entre três motores a gasolina e dois a diesel. Os movidos a gasolina podem escolher entre um turbo de três cilindros de 1.0 TCe 100 de 100 cv , TCe 130 turbo de 1.3 quatro cilindros de 130 cv e o topo de de linha TCe 155, que é uma versão de maior potência 1.3 turbo, produzindo 155 cv. O motor a gasolina mais potente traz de série uma transmissão de dupla embraiagem de sete velocidades opcional no TCe 130.

O novo Captur 2020 também oferece a escolha de dois motores diesel de 1.5: o Blue dCi 95 e o Blue dCi 115. O primeiro produz 95 cv enquanto o último tem 115 cv. A versão menos potente tem apenas uma caixa manual de seis velocidades como opção, enquanto o motor mais potente também oferece a opção da transmissão de dupla embreagem com sete velocidades. Tal como acontece com o Captur atual, não há opção de tração integral.

Na frente tecnológica, a segunda geração do Renault Captur oferece uma série de recursos de segurança novo, incluindo reconhecimento de sinais de trânsito com alerta de velocidade, frenagem de emergência ativa, controle de cruzeiro com limitador de velocidade, faróis de LED com farol alto automático, controle de cruzeiro adaptativo, alerta de mudança de faixa, assistente de permanência em faixa, câmera de estacionamento de 360 ​​graus, entre outros.

Na cabine do novo Captur 2020 há também um novo sistema de entretenimento inspirado em smartphones, disponível em três versões: tela de 7 polegadas, 7 polegadas com navegação e 9,3 polegadas com navegação. Todos são compatíveis com o Android Auto e o Apple Car Play. O design do interior semelhante ao novo Clio. Na parte traseira, o banco traseiro deslizante também foi utilizado, ajudando a melhorar a versatilidade.

  • Compartilhe esta matéria:
 

Faça seu comentário

publicidade

  • Seguro automóvel

    Veja o resultado na hora e compare os preços e benefícios sem sair de casa.

    cotar seguro