Sobre Peugeot 208 

Linha 2017

A linha 2017 do Peugeot 208 introduziu mudanças visuais em faróis, para-choques, grade e lanternas. A principal alteração, porém, é a introdução do motor 1.2 flex de três cilindros para as versões de entrada em substituição ao 1.5 flex de quatro cilindros. Além dela, a versão esportiva GT passa a fazer parte das opções do hatch, que recebe pela primeira vez o motor 1.6 THP flex já usado em outros modelos do Grupo PSA (Peugeot-Citroën). 

Por baixo do capô

Nas versões básicas, o motor é o 1.2 flex de três cilindros e 12 válvulas - variável na admissão e no escape -, que entrega 84 cv e 12,2 kgfm com gasolina ou 90 cv e 13 kgfm com etanol - no 1.5 anterior os dados com etanol eram 93 cv e 14,2 kgfm. Quando equipado com esse motor, o 208 oferece apenas câmbio manual de cinco marchas. Há ainda a opção do 1.6 16V flex que rende 122 cv e 16,4 kgfm de torque com etanol ou 115 cv e 15,5 kgfm com gasolina. Nesse caso, a transmissão pode ser automática de quatro velocidades ou manual de cinco marchas. Novidade na linha 2017, a versão GT conta com motor 1.6 16V turbo flex capaz de entregar 173 cv com etanol e 166 cv com gasolina. O torque é de 24,5 kgfm. Com esse propulsor, casando com a proposta de desempenho, a única opção de transmissão é a manual de seis marchas.

Mais do 208

Produzido em Porto Real (RJ), o hatch mede 4 m de comprimento, 1,7 m de largura, 1,5 m de altura e 2,5 m de entre-eixos. O bagageiro é capaz de comportar 285 litros. O peso varia entre 1.046 kg (Active 1.2) e 1.196 kg (1.6 GT THP). A central multimídia conta com a função Link MyPeugeot, permitindo ver pelo celular informações do veículo como autonomia, consumo, distância e tempo de trajetos realizados pelo GPS, alertas de revisões, continuar um percurso estipulado no navegador (para seguir à pé caso você tenha estacionado o carro longe do seu destino) e até localizar o veículo. Entre suas características mais marcantes estão o volante de pequeno diâmetro e com a base achatada, feito para proporcionar uma pegada mais esportiva, e o quadro de instrumentos em posição elevada.

Desde a versão de entrada o 208 traz direção elétrica, ar-condicionado, luz diurna de LED, central multimídia com tela sensível ao toque de sete polegadas e conectividade via Bluetooth, USB e espelhamento da tela de celular, alarme, acionamento elétrico de vidros, travas e retrovisores, regulagem de altura e profundidade para o volante, repetidores de pisca nos espelhos e rodas de 15 polegadas com calotas.

Passado

O 208 foi apresentado no Salão do Automóvel de São Paulo de 2012, sendo o herdeiro natural da vitoriosa série 200, que vendeu mais de 15 milhões de veículos em sua história começando em 1999 com o 206. O lançamento, porém, aconteceu apenas meses depois, no início de 2013. Inicialmente, ele conviveu no mercado com seu antecessor, o 207, que seguiu à venda como modelo de entrada da gama. Como parte do grupo PSA, o 208 compartilha a plataforma e os motores com o Citroën C3, que também sai da fábrica de Porto Real (RJ). Em 2015, já como linha 2016, o hatch passou a trazer mais equipamentos, se tornando a carro mais barato no Brasil a vir de série com airbags laterais. A primeira reestilização aconteceu em abril de 2016, quando o 208 também ganhou motor 1.2 de três cilindros e a versão esportiva GT.

Versões Hatch intermediário

Versões Hatch premium

Versões Hatch premium (Automático)

Versões Hatch esportivo

  • Renault Sandero Renault Sandero
  • Volkswagen Fusca Volkswagen Fusca
  • Fiat Bravo Fiat Bravo
  • Audi RS7 Audi RS7
Itaú

Simule o financiamento

Veja o valor da parcela do seu próximo carro, online e sem compromisso. Simular financiamento

Opinião do dono

9,4

Sou fã do Peugeot 208

Maurilio Pereira em 30/10/2016
208 Active Pack 1.2 12V (Flex) 2017
 
Pontos positivos

ótima posição de dirigir, ótimo acabamento, quadro de instrumentos em posição elevada e bom consumo.

 
Comentários

esse é o meu segundo peugeot 208. o primeiro comprei em 2013 novo e troquei esse ano após 120 000 km percorrido por outro peugeot 208 1.2l.

Essa opinião foi útil pra você?
9,1

Peugeot é a melhor opção.

Samuel pereyra em 02/02/2017
208 Allure 1.2 12V (Flex) 2017
 
Pontos positivos

design, conforto, economia, dirigibilidade, segurança e custo beneficio.

 
Pontos negativos

cambio, central multimídia bloqueado para videos.

 
Comentários

90% dos meus carros na vida foram peugeot e apesar de alguns poucos difamar a marcar eu particularmente não tenho nada de negativo a dizer, sempre curti muito os meus peugeot e me levaram a lugares bem distante sem dar um problema se quer, claro sempre respeitei o prazo para fazer a manutenção, quando estou para trocar de carro corro de loja em loja mas no final acabo fechando com a peugeot, coloca muitos carros no bolso; com estilo, design, conforto, segurança e tudo mais. por tanto se pensa em comprar um carro eficiente e com estilo a peugeot é a melhor opção,; claro dentro da faixa de preço de ate 60 mil.

Essa opinião foi útil pra você?
10,0

Carro maravilhoso

Roberto Pinheiro em 27/03/2017
208 Active Pack 1.2 12V (Flex) 2017
 
Pontos positivos

conforto e acabamento

Essa opinião foi útil pra você?

publicidade

publicidade

Outros anos de Peugeot 208

Outros anos Faixa de Preço Ofertas
2016 De R$ 42.247 a R$ 51.832 ver ofertas
2015 De R$ 36.562 a R$ 46.043 ver ofertas
2014 De R$ 33.102 a R$ 41.097 ver ofertas
2013 De R$ 32.003 a R$ 38.952 ver ofertas

Outros modelos recomendados para você