Sobre Volkswagen Jetta 

Por baixo do capô

O Jetta aposenta o antigo motor 2.0 flex aspirado de 120 cv (etanol) em troca de um 1.4 TSI turbo movido apenas a gasolina de 150 cv nas versões Trendline e na única nacional Comfortline. Esse propulsor conta com injeção direta de combustível e comando de válvulas variável na admissão e no escape, sendo capaz de render 25,5 kgfm de torque a partir de 1.500 rpm e fazendo o Jetta ir de 0 a 10 km/h em 8,6 segundos e atingir a velocidade máxima de 203 km/h. Segundo a Volks, embora seja menor, ele oferece 25% a mais de potência e 38% a mais de torque quando comparado ao 2.0 aspirado anterior. 

A configuração de entrada Trendline ganha ainda uma opção inédita com câmbio manual de seis marchas, além do automático de seis velocidades com trocas manuais disponível também na Comfortline. Já a topo de linha Highline manteve o 2.0 TSI turbo a gasolina de 211 cv e 28,6 kgfm de torque, com transmissão DSG automatizada de dupla embreagem e seis marchas. Com esse conjunto, o sedã acelera de 0 a 100 km/h em 7,2 segundos e chega à máxima de 241 km/h.

Mais do Jetta

Apenas a versão intermediária Comfortline do Jetta é feita no Brasil, em São José dos Pinhais. Isso porque a produção aqui é usada para complementar o volume importado do México, responsável pelas versões de entrada Trendline e topo de linha Highline. O sedã tem 4,69 metros de comprimento, 1,77 m de largura, 1,47 m de altura e 2,65 m de entre-eixos. O porta-malas tem capacidade para 510 litros.

Desde a Trendline, o sedã vem com ar-condicionado com saída para o banco traseiro, direção elétrica, quatro airbags, sensor de estacionamento dianteiro e traseiro, alarme, controle de estabilidade e de tração, bancos de tecido, rodas de liga leve aro 16, porta-luvas refrigerado, volante com ajustes de altura e profundidade, assistente de partida em rampa e rádio com tela de 5" sensível ao toque, entrada USB, Bluetooth e função de espelhamento da tela do celular via Mirror Link (para Android).

Passado

Em março de 2011, a Volkswagen apresentou aos brasileiros o novo Jetta, importado do México. Em sua sexta geração, o sedã médio chegou ao país para substituir dois veículos de uma só vez: a sua geração anterior e o Bora. Em 2015 o modelo passou por uma reestilização e teve início a produção nacional, em São Bernardo do Campo (SP), mas apenas na configuração intermediária Comfortline. No ano seguinte o sedã ganhou motor 1.4 turbo e câmbio manual de seis marchas.

Versões Sedã médio/Grande

Versões Sedã Premium

  • Honda Civic Honda Civic
  • Toyota Corolla Toyota Corolla
  • Ford Fusion Ford Fusion
  • Hyundai Azera Hyundai Azera
Itaú

Simule o financiamento

Veja o valor da parcela do seu próximo carro, online e sem compromisso. Simular financiamento

Opinião do dono

8,4

Muito bom, mas nada é tão bom que não possa melhorar.

Jorgei em 20/08/2017
Jetta 1.4 TSI Comfortline Tiptronic 2017
 
Pontos positivos

dirigibilidade e estabilidade

 
Pontos negativos

retardo nas acelerações, se perde um pouco de confiabilidade em resposta quando necessitamos. itens de segurança de modelo para modelo, afinal, segurança é segurança e independente de versões. acabamento muito frio para um carro com seu valor. acho um pouco beberrão comparando com o meu bora.

 
Comentários

sou adepto a mecânica alemã, acho eles muito sérios, conheço sua filosofia. sou engenheiro mecânico e já trabalhei em indústria alemã.

Essa opinião foi útil pra você?
9,1

Espetacular

RONALDO ANDRE CALVO em 28/04/2017
Jetta 2.0 TSI Highline DSG 2016
 
Pontos positivos

motor, câmbio, dirigibilidade, consumo, porta-malas, segurança.

 
Pontos negativos

acabamento interno, design.

 
Comentários

carro espetacular. econômico pelo motor que tem. na estrada é um foguete. faço 8 na cidade e 12 km/l na estrada andando de 120 a 140 km/h. melhor carro que tive até hoje. vai ser difícil eu trocar por outro, só se for o mesmo modelo. estou muito satisfeito.

Essa opinião foi útil pra você?
8,3

Grata Surpresa

Christian em 27/09/2015
Jetta 2.0 Comfortline Tiptronic (Flex) 2015
 
Pontos positivos

conforto aos passageiros, itens de série, acabamento

 
Pontos negativos

consumo no álcool.

 
Comentários

eu sempre tive muito preconceito com este motor 2.0, mas tive uma grata surpresa após a compra. já tive 06 corollas de diferentes anos, são excelentes carros sem dúvida.....mas o prazer ao volante e os "mimos" que este jetta tem são superiores aos do corolla. o motor vai bem, dentro da sua limitação de torque e potência, mas o excelente câmbio e o bom torque em baixa fazem desse carro uma boa opção na sua faixa de preço. pelo que paguei no meu, daria para comprar um corolla gl com motor 1.8.....na boa não dá para comparar os dois conjuntos.

Essa opinião foi útil pra você?

publicidade

publicidade

Outros anos de Volkswagen Jetta

Outros anos Faixa de Preço Ofertas
2016 De R$ 64.795 a R$ 97.320 ver ofertas
2015 De R$ 62.240 a R$ 84.040 ver ofertas
2014 De R$ 54.866 a R$ 71.997 ver ofertas
2013 De R$ 50.370 a R$ 63.308 ver ofertas
2012 De R$ 43.878 a R$ 54.289 ver ofertas
2011 De R$ 42.561 a R$ 51.801 ver ofertas
2010 De R$ 37.414 a R$ 37.414 ver ofertas
2009 De R$ 33.738 a R$ 33.738 ver ofertas
2008 De R$ 31.381 a R$ 31.381 ver ofertas
2007 De R$ 30.353 a R$ 30.353 ver ofertas
1995 De R$ 9.032 a R$ 9.032 ver ofertas
1994 De R$ 7.622 a R$ 7.622 ver ofertas