Toyota Corolla 2020 será 1º híbrido flex do mundo

Empresa anuncia que o sedã será seu primeiro modelo com tal propulsão e novidade será feita no estado de São Paulo

17/04/2019 - Thiago Moreno / Fotos: Divulgação / Fonte: iCarros

A Toyota do Brasil confirmou hoje que o Corolla será o primeiro carro híbrido flex do mundo. O anúncio foi feito junto ao governo do estado de São Paulo e representantes da indústria sucroalcooleira. O modelo começará a ser fabricado em outubro na planta da Toyota em Indaiatuba (SP).

Leia mais:
Toyota dá mais detalhes e imagens da nova geração do Corolla
Toyota Corolla XEI tem R$ 22 mil e desconto para PCD
Nissan Sentra 2020 fica esportivo para brigar com o Corolla

Nova geração e plataforma TNGA

Com a estreia do híbrido flex, o Toyota Corolla também mudará de geração e deve passar a ser oferecido como linha 2020. A nova plataforma, batizada de TNGA, é a mesma utilizada pelo atual Prius. Ela é modular e já pensada para servir como base para modelos elétricos, híbridos ou a combustão. Será a 12ª geração do sedã.

Como a nova plataforma já estará em produção por aqui, há potencial de fabricação também em Indaiatuba, de outros modelos feitos com a TNGA, tais como Prius, o SUV C-HR e o sedã grande Camry.

A marca anunciou investimentos de cerca de R$ 1 bilhão na adaptação da planta de Indaiatuba não só para a fabricação da nova geração do Toyota Corolla e sua inédita versão híbrida flex, como também pretende exportar unidades para países da América Latina.

Preço, consumo mecânica e elétrica

Como a produção terá início apenas no final do ano, a marca ainda não divulgou dados técnicos do Corolla híbrido flex 2020. No entanto, a verão híbrida vendida na Europa combina um motor 1.8 aspirado a um elétrico em configuração similar a do Prius. Lá, a potência total combinada é de 122 cv.

Veja ofertas de Toyota Corolla perto de você
Simule aqui o quanto gastar nas parcelas de seu próximo carro

O torque apenas do motor a combustão é de 14,2 kgfm, mas a marca não anunciou o torque total combinado os dois motores. No entanto, o consumo declarado pela marca é de 29,4 km/l na Europa. Ainda não foram divulgadas informações a esse respeito para quando esse conjunto utilizar etanol.

Corolla Europeu ou Corolla dos EUA? E o hatch?

Na décima segunda geração do Corolla, a Toyota optou por uma grande diferenciação entre o visual oferecido nos mercados da Europa e o oferecido nos EUA. A marca ainda não confirmou qual será feito no Brasil, mas a maior probabilidade recai sobre o europeu (foto) por conta de suas linhas mais tradicionais em relação ao visto nos EUA.

Outra dúvida ainda não respondida é a vinda da versão hatch do Corolla. A configuração de cinco portas é oferecida na Europa e nos EUA, mas como o mercado de hatches médios está decaindo no Brasil, há poucas chances de recebê-lo e, provavelmente, deveremos permanecer apenas com o sedã.

  • Compartilhe esta matéria:
 

Faça seu comentário

publicidade

  • Seguro automóvel

    Veja o resultado na hora e compare os preços e benefícios sem sair de casa.

    cotar seguro