CAOA não vai mais comprar fábrica da Ford em São Bernardo

Planta paulista que produzia o Ford New Fiesta hatch e linha de caminhões era desejo do grupo brasileiro

14/01/2020 - João Brigato / Foto: Divulgação / Fonte: iCarros

Fechada em 20 de outubro de 2019, a fábrica da Ford em São Bernardo do Campo (SP) ainda não mudou de dono. Até então o grupo CAOA, era o favorito a adquirir a planta paulista, mas ela se retirou das negociações, como adiantou o governador de São Paulo João Dória.

Melhores destaques para você
+ 10 SUVs mais baratos do Brasil: CAOA Chery Tiggo 2 é o 1º
+ Chery Tiggo 7 PRO estreia. Qual a CAOA trará para o Brasil?
+ CAOA Chery: novos carros e mudanças em Tiggo 5X e Tiggo 7

Segundo a Agência Brasil, o Dória relatou que a CAOA não vai mais adquirir a fábrica da Ford em São Bernardo, mas prepara investimentos na área automotiva para 2020. Em nota, o grupo brasileiro confirmou as informações.

Fábrica da Ford

O governador ainda relatou que “não é fácil vender uma fábrica instalada, é difícil sob certos aspectos. É mais fácil motivar a implantação de uma fábrica do que a venda de uma fábrica porque ela tem que ser muito ajustada”. O preço pedido pela Ford pela fábrica também pode ter pesado na decisão da CAOA.

Veja aqui ofertas de carros da Chery na sua cidade

No entanto, o governador garante que ainda existem dois grupos chineses interessados na planta paulista. Não foram informadas quais as marcas pretendem se instalar na região metropolitana de São Paulo, visto que a Lifan está diminuindo sua operação no Brasil e a JAC não tem intenção de fabricar carros por aqui.

Procurando um Ford? Veja ofertas

É bastante provável que uma nova fabricante chinesa que nunca atuou no Brasil passe a vender seus carros por aqui por meio da produção nacional na antiga linha de montagem do New Fiesta e dos caminhões Ford.

Sobre os novos investidos chineses, Dória afirma: “há um entendimento novo com dois fabricantes chineses. Entendimentos que estão em curso, mas não temos propagado, até para que eles possam seguir com tranquilidade, sem a pressão do tempo”.

Futuro da CAOA

Há intensões da CAOA em trazer outra marca chinesa para o Brasil, com grandes chances de ser a Changan. Com fabricação nacional como a Chery, ela teria maior facilidade de distribuição de seus produtos, além de preço mais competitivo e menos refém do dólar como acontece com outras chinesas instaladas aqui. Nesse sentido, nada foi confirmado até agora.

Simule as parcelas do seu próximo carro aqui

Caso se confirme a parceria entre Changan e CAOA no Brasil, o grupo brasileiro passará a controlar quatro marcas por aqui. Hoje a CAOA representa a linha de importados de Subaru e Hyundai, além de produzir localmente o ix35, Tucson e o caminhão urbano HR.

Com a Chery, a CAOA tem 51% da montadora chinesa e produz Tiggo 2 e Arrizo 6 na planta erguida pela montadora chinesa em Jacareí, interior de São Paulo. Os SUVs Tiggo 5X e Tiggo 7 são feitos em Anápolis, Goiás, onde saem também os modelos da Hyundai. Em 2020 serão produzidos ainda os novos Tiggo 8 em Anápolis e Arrizo 6 em Jacareí.

Acompanhe as novidades do mundo automotivo pelo iCarros no:

Facebook (facebook.com/iCarros)
Instagram (instagram.com/icarros_oficial)
YouTube (youtube.com/icarros)

  • Compartilhe esta matéria:
 

Faça seu comentário

publicidade

  • Seguro automóvel

    Veja o resultado na hora e compare os preços e benefícios sem sair de casa.

    cotar seguro