Fiat Argo Trekking: entre razão e emoção | Avaliação

Equilibrando fatores emocionais com racionais, versão aventureira do Fiat Argo surpreende pelo conjunto equilibrado

06/08/2019 - João Brigato / Fotos: Divulgação / Fonte: iCarros

Faz um certo tempo que o Fiat Argo está no mercado. E apesar dos bons números de venda, ele não chegou a ser um hit de popularidade como foi o Uno nos primeiros anos e com o Palio durante toda sua vida. Engana-se, porém, quem pensa que ele não está à altura desses dois. Aliás, o Argo é um dos melhor compacto da Fiat em anos e a versão Trekking reforça isso.

Leia mais:
Sandero CVT sobe suspensão e nível para 2020 | Impressões
Stepway 2020: não me chame Sandero, sou um SUV | Impressões
Fiat Toro 2020: nova versão Ultra ganha caçamba protegida

Partindo de R$ 59.990, o Fiat Argo Trekking se situa exatamente no meio do caminho entre as versões automáticas Precision e HGT e as variantes Drive mais simples do hatch. Isso se ignorado o Argo Drive GSR com seu terrível câmbio automatizado. O visual aventureiro leve também colabora para o meio termo: não é exagerado e apelativo como foi a linha Adventure, mas é o suficiente para deixar claro que você pagou mais para ter algo diferente.

Veja aqui ofertas de Argo na sua cidade

A combinação testada pelo iCarros é um pouquinho mais cara que isso: R$ 64.280 por conta da bela cor metálica Cinza Silverstone e dois opcionais: rodas de liga leve de 15 polegadas na cor cinza e câmera de ré – itens que valem a pena levar.

Entre cidade e terra

Surpreendendo por um conjunto bastante equilibrado, o Argo Trekking vai bem em todas as situações que se propõe. Em asfalto mal cuidado ou estradinhas de terra, ele mantém-se comportado e confortável. Já na cidade, consegue contornar curvas mais fortes sem ficar jogando a carroceria de um lado para outro como outros aventureiros.

Até parece que a Fiat deixou para a Jeep o trabalho da suspensão do Trekking: não é tão robusto quanto seus primos, mas lembra o equilíbrio entre conforto e boa dinâmica que tem o Renegade. Outro ponto de ligação com o Jeep é a direção: bastante leve nas manobras, ela tem foco claro no conforto, sendo macia o tempo todo. Na estrada, ganha a rigidez necessária, mas ainda leve.

Melhor conjunto

Para a versão Trekking, a Fiat escolheu o melhor motor atualmente disponível no Argo: o 1.3 Firefly quatro cilindros com 109 cv e 14,2 kgfm de torque. É a opção mais acertada por não ter a sensível falta de força do 1.0 para o porte do Argo e andar quase tão bem quanto o cansadinho 1.8 E.TorQ, com o benefício de ser bem mais econômico.

Vai trocar de carro? Simule as parcelas aqui

O motor entrega força em rotações mais altas, mas é bastante disposto. Com acelerador sensível, não é preciso afundar muito o pé para que o Argo Trekking comece a ganhar força. Para trabalhar nesse ritmo a transmissão ficou relativamente curta. A 50 km/h já pode engatar a quinta marcha. Foi uma ação precisa para extrair o máximo do 1.3 na cidade.

Como revés, na estrada o Argo fica em giro relativamente alto: quase nos 4 mil giros a 120 km/h. É nítido que uma sexta marcha faz falta aqui e poderia fazer milagres com o consumo, que não é ruim. Segundo o INMETRO, ele registra 8,7 km/l na cidade e 10 km/l na estrada, ambas situações quando abastecido com etanol. Na estrada fizemos números melhores.

Outra questão do câmbio está nos engates. Eles são muito longos, borrachudos e às vezes imprecisos. Particularmente não sou fã do câmbio manual dos carros da Fiat por conta desse comportamento, mas é algo que é passável com costume.

Valor agregado

Um dos grandes trunfos do Argo é parecer mais caro do que realmente é. A Fiat investiu pesado em visual e no acabamento interno para transmitir essa sensação. Entre os hatches compactos, é dele uma das melhores cabines, tanto em qualidade quanto em visual. Os plásticos são duros em todo canto, mas bem feitos e com textura agradável.

Com estilo horizontalizado, a cabine dá foco para as três saídas de ar (no melhor estilo Mercedes-Benz) e para a central multimídia. Com tela de 7 polegadas, traz Android Auto e Apple CarPlay, além de uma interface amigável e fácil de usar. Botões físicos na lateral ajudam muito na usabilidade. Velocidade e definição da tela são ok, mas justas para a categoria.

Os bancos são macios e confortáveis, mas bem que o do motorista poderia baixar um pouquinho mais. Já o volante, mesmo não tendo couro o revestindo, tem toque agradável e materiais de qualidade. Faz falta regulagem de profundidade que alguns rivais possuem.

Só que o grande destaque do Argo vai para o seu espaço interno. Quem se senta no banco traseiro tem vasto espaço para as pernas, se considerado o tamanho do carro e a categoria que pertence. Há cinto e encosto de cabeça para todos. O porta-malas também é grande e carrega 300 litros de bagagem.

Seu visual externo contribuiu bastante nessa questão de valor agregado. A suspensão mais alta deixou o Trekking encorpado, casando melhor que o esportivo HGT com os itens plásticos pretos que circundam a carroceria. Há também diversos adesivos, logotipo e teto pintados de preto e rack para ajudar na sensação aventureira. Diferente sem ser exagerado.

Na lista de itens de série, o Argo Trekking entrega tudo que é necessário na categoria: ar-condicionado, central multimídia, retrovisores elétricos com tilt-down, vidros elétricos nas quatro portas com função um toque, sensor de ré, chave canivete e computador de bordo completinho. A falta é controle de tração e estabilidade, ignorados pelo Trekking.

Conclusão

Equilíbrio é a melhor palavra para definir o Fiat Argo Trekking. Ele traz uma boa lista de itens de série sem cobrar demais por isso, espaço interno generoso, conjunto mecânico justo para sua categoria e sua proposta, além de lidar bem com os contrastes entre a vida na cidade e no campo. Fazendo as contas, o Trekking é a versão mais equilibrada do Argo.

Acompanhe as novidades do mundo automotivo pelo iCarros no:

Facebook (facebook.com/iCarros)
Instagram (instagram.com/icarros_oficial)
YouTube (youtube.com/icarros)

  • Compartilhe esta matéria:
 

Faça seu comentário

publicidade

  • Seguro Auto

    Veja o resultado na hora e compare os preços e benefícios sem sair de casa.

    cotar seguro
Para proteger e melhorar a sua experiência no site, nós utilizamos cookies e dados pessoais de acordo com nossos Termos de Uso e Política de Privacidade. Ao navegar pela nossa plataforma, você declara estar ciente dessas condições.