F1 adia mais um GP e pilotos disputam corridas online

GP do Azerbaijão é mais uma prova adiada por conta do coronavírus; pilotos participam de GP do Barein virtual

23/03/2020 - Rodrigo França e Luiz Felipe Chaguri / Fotos: Divulgação / Fonte: iCarros

O Grande Prêmio do Azerbaijão, que poderia ser palco da abertura da F1 2020, é mais uma prova que foi adiada neste ano. Por conta da pandemia de Covid-19 pelo mundo, a principal categoria do automobilismo já teve duas provas canceladas e seis corridas adiadas, totalizando oito provas com datas afetadas.

Mais da F1:
+ F1 cancela GP de Mônaco e adia mais duas corridas
+ F1: Sette Câmara é o novo piloto reserva da Red Bull
+ Briga na F1: acordo da Ferrari com FIA é atacado por rivais

As provas da Austrália e de Mônaco não serão realizadas neste ano, enquanto as corridas no Barein, China, Vietnã, Holanda, Espanha e a do Azerbaijão poderão ser remarcadas ainda neste ano.

A temporada estava prevista para começar no último dia 15 de março na Austrália e foi apenas duas horas antes do primeiro treino que houve o anuncio do cancelamento da prova em Melbourne. Na sequência dos dias, mais corridas foram sendo adiadas e suspensas. Apenas o GP da China, por ter sido o primeiro país e vivenciar a epidemia do novo coronavírus, já havia sido suspenso com mais antecedência.

"O adiamento foi acordado após extensas discussões com a Fórmula 1, bem como a FIA e o Governo da República do Azerbaijão. Isso é resultado direto da pandemia global contínua do Covid-19 e se baseou inteiramente nas orientações de especialistas fornecidas pelas autoridades relevantes. Todos os ingressos continuarão válidos, sem nenhuma formalidade adicional. Assim que a nova data do GP for confirmada, todos os espectadores serão informados sobre as opções disponíveis, tanto para aqueles que compraram seus ingressos no site quanto por outros canais", diz o comunicado oficial.

A expectativa dos fãs agora fica por conta do GP do Canadá, que seria o nono do calendário e que pode ser o primeiro a ser realizado neste ano no dia 14 de junho, em Montreal. Os canadenses, no entanto, foram os primeiros a declarar que não disputarão as Olimpíadas de Tóquio em 2020, o que torna a prova da F1 também sob provável análise para adiamento.

Pilotos acelerando em casa

Com os autódromos vazios nesta primeira parte da temporada, os pilotos estão buscando alguns meios diferentes para se manterem ativos. Além de atividades físicas em casa, o que está em alta, principalmente entre os mais jovens, é o eSports.

A própria Fórmula 1 organizou uma corrida virtual com pilotos de diversas categorias no último final de semana. No GP do Barein virtual, a prova foi disputa com 14 voltas (25% da prova completa) e a vitória foi do chinês Guanyu Zhou, que é piloto da Fórmula 2. O pódio foi completado por Stoffel Vandoorne (ex-F1 e atualmente na F-E) em segundo e Philipp Eng (da DTM, a Stock Car alemã) em terceiro.

A prova registrou um pico de 500 mil fãs assistindo a prova pelas plataformas digitais da F1 e os pilotos titulares que participaram da prova foram Lando Norris (McLaren) e Nicholas Latifi. O britânico foi o quinto colocado, enquanto o canadense fechou na sexta posição.

As próximas corridas virtuais serão realizadas justamente nos finais de semana em que as provas canceladas e adiadas estavam inicialmente estavam programadas.

Novo regulamento da F1 somente em 2022

Além dos adiamentos e cancelamentos das corridas, a notícia mais importante dos últimos dias foi da prorrogação do prazo para entrar em vigor o novo regulamento da F1. Ele estava programado para começar em 2021, mas ficará para 2022.

O que segue na programação da FIA é o teto orçamentário de 175 milhões de dólares para cada equipe se inscrever na temporada 2021. De qualquer forma, o Pacto de Concórdia, que deve será assinado por todas as equipes do grid para as próximas temporadas, ainda segue incerto. 

Acompanhe as novidades do mundo automotivo pelo iCarros no:

Facebook (facebook.com/iCarros)
Instagram (instagram.com/icarros_oficial)
YouTube (youtube.com/icarros)

  • Compartilhe esta matéria:
 

Faça seu comentário

publicidade

  • Seguro automóvel

    Veja o resultado na hora e compare os preços e benefícios sem sair de casa.

    cotar seguro