Recorde da Mercedes marca GP 1000 da F1

Equipe igualou três dobradinhas seguidas do início de temporada avassalador da Williams, definida por Senna em 1992

15/04/2019 - Rodrigo França / Foto: Divulgação / Fonte: iCarros

A F1 disputou no último domingo, na China, o GP de número 1000 de sua história. A prova teve poucos momentos de emoção – a ponto do décimo colocado, o tailandês Alexander Albon, ter sido eleito o “piloto do dia” na enquete com os fãs.

Leia mais:
Brasil busca quarto pódio seguido no Jaguar I-Pace eTROPHY
Fittipaldi marca presença na DTM, a Stock Car européia

Mas a equipe Mercedes atingiu uma façanha histórica. Além de cravar o nome na estatística do milésimo GP, a vitória de Lewis Hamilton com Valtteri Bottas em segundo fez com que o time alemão atingisse três dobradinhas seguidas em 2019.

Simule as parcelas do seu próximo carro

Sabe há quanto tempo isso não acontecia? Há exatos 27 anos, a “Williams de outro planeta” fora a última equipe a conseguir tal feito. A definição entre aspas era de Ayrton Senna, que sofria com o mau desempenho de sua McLaren para conseguir parar o time de Nigel Mansell e Riccardo Patrese.

Confira aqui ofertas de carros da Audi

As comparações, no entanto, param por aí. Apesar do mau rendimento na China, a Ferrari esteve bem perto da vitória no GP passado, com o novato Charles Leclerc. E o próprio Hamilton tratou de frear o favoritismo rumo ao hexacampeonato.

"Não foi o mais forte dos finais de semana, mas o resultado foi fantástico para a equipe. Nós não sabíamos o que pensar em relação à Ferrari, porque eles foram muito rápidos no Bahrein. Mas aqui Valtteri também foi muito veloz todo o fim de semana e conseguir uma dobradinha no GP 1.000 é muito especial. A largada era o único momento em que poderia fazer diferença", disse Hamilton.

"Tudo ainda está muito próximo entre todos nós. Não tenho ideia de como será a próxima corrida", comentou o novo líder da F1 em 2019, com 68 pontos. O inglês também chegou a sua vitória de número 75. O recorde ainda pertence a Michael Schumacher (com 91), mas no ritmo de conquistas de Hamilton, ele pode se tornar o primeiro no ranking já em 2020.

A F1 volta às pistas daqui duas semanas, no circuito de rua de Baku, no Azerbaijão, no dia 28 de abril.
 

Acompanhe as novidades do mundo automotivo pelo iCarros no:

Facebook (facebook.com/iCarros)
Instagram (instagram.com/icarros_oficial)
YouTube (youtube.com/icarros)

  • Compartilhe esta matéria:
 

Faça seu comentário

publicidade

  • Seguro automóvel

    Veja o resultado na hora e compare os preços e benefícios sem sair de casa.

    cotar seguro